O Túnel do Tempo

(Podes ser um dos autores desta história, escrevendo nos comentários a sua continuação)

Nova imagem

O Túnel do Tempo

(Chegou ao seu destino!)

Foi com estas palavras na cabeça que ele acordou sobressaltado e confuso.

Uma imensa claridade feria-lhe os olhos e cegava-o, não o deixando entender o espaço que o rodeava. Apenas tinha uma leve sensação de que uma imensa sombra se afastava rapidamente, deixando-o à mercê daquela incandescente luz que lhe feria os olhos desabituados à claridade, enquanto um forte sopro lhe arrepiava a pele desnudada, ao mesmo tempo que ouvia o forte ribombar de imensas vagas que o atordoavam, parecendo que o queriam despedaçar com a sua força descomunal.

Verdadeiramente assombrado e assustado, tentou entender aquela situação. Mas apenas se lembrava daquela frase enigmática: Continue a ler “O Túnel do Tempo”